publicidade

Blog do Amaury Jr

Assediada 100 vezes? É o que afirma Natalie Portman

(Foto: Divulgação)

 

Mais uma grande atriz internacional volta a acender o holofote sobre os casos de assédio na indústria cinematográfica. Trata-se de Natalie Portman, vencedora do Oscar por sua atuação em “Cisne Negro” – e que revelou em entrevista à revista “Porter” que tem “100 histórias” de assédio e abuso sexual por homens poderosos em Hollywood e que só percebeu a extensão com a chegada dos movimentos Time’s Up e MeToo.

“Eu pensava que não tinha nenhuma história até perceber que tinha 100 histórias. Eu acho que muitas pessoas estão repensando esses conceitos, de coisas que acabamos não dando a devida atenção por achar que faz parte do processo”, explicou.

Natalie também contou à publicação que um dos casos aconteceu entre ela e um produtor em um jatinho particular: “Estávamos só nós dois e apenas uma cama arrumada. Nada aconteceu, não fui abusada. Eu simplesmente dei um basta e disse: ‘Isso me deixa desconfortável’, e fui respeitada. Mas foi super errado. Isso é inaceitável e manipulador. Eu fiquei assustada”.

Ainda na reportagem, a atriz pontuou a importância das denúncias e dos relatos das mulheres: “Muitas pessoas falaram há muito tempo e não foram ouvidas”.

 

Leia também: