PUBLICIDADE
Topo

Exclusivo: Sorrento Therapeutics fala da descoberta contra o COVID19

Da Redação

17/05/2020 17h55

Entrevista exclusiva com Dr Alexis Nahama, Vice-presidente da Sorrento Therapeutics, que descobriu um anti- corpo contra o coronavírus.

Desde que o novo Coronavírus colocou o mundo inteiro dentro de suas casas, cientistas iniciaram uma corrida contra o tempo na busca de uma medicação capaz de conter os danos desta ainda desconhecida doença, a Covid-19.

Foram diversos alarmes falsos desde então, até que, no dia 15 de maio, a Sorrento Terapeutics anunciou a descoberta de um anticorpo capaz de neutralizar a infecção pelo novo Coronavírus.

Amaury Jr. teve a oportunidade de conversar, por vídeochamada, com Dr Alexis Nahama, Vice-presidente da Sorrento Therapeutics – casado com  a carioca Andrea Nahama, ele tem o português fluente, o que facilita ainda mais a divulgação dessa notícia maravilhosa aos brasileiros. Aliás, para o mundo todo. Não à toa, a Sorrento viu as suas ações dispararem em 240% durante o dia da revelação.

Leia as informações abaixo e assista ao bate-papo com Amaury, onde ele deu um panorama sobre as pesquisas em andamento.

 

ANTICORPO STI19-44

Em um experimento in vitro, feito com tecidos, a Sorrento anunciou que seu anticorpo STI-1499 apresentou 100% de inibição da SARS-CoV-2 (que causa a Covid-19).E, assim, pretende produzir um coquetel de anticorpos que irão comportar-se como "escudo protetor" contra a infecção por coronavírus. Dentre todos os anticorpos minuciosamente avaliados e estudados, o STI-1499 se distinguiu dos demais pelo seu enorme potencial de bloqueio total à infecção por SARS-CoV-2 em células saudáveis. 

Atualmente, a unidade de fabricação de anticorpo, fixada em San Diego, na Califórnia, tem capacidade de produzir até 200 mil doses por mês – que pode aumentar para um milhão de doses assim que tiver aprovação da FDA (Food and Drug Administration). Além disso, a empresa busca apoio governamental e também a parceria com indústrias farmacêuticas com objetivo de fornecer dezenas de milhões de doses em um curto período de tempo, afinal, é preciso atender a demanda do mundo inteiro.

EM QUANTO TEMPO TEREMOS ESSE ANTICORPO DISPONÍVEL? 

A expectativa é de que, se o teste da Fase I iniciar em julho de 2020, terão o prazo de uma ou duas semanas para saber se o anticorpo está fazendo efeito. Se o resultado for de eficácia e segurança aos pacientes, teria a espera pelo estudo da Fase II, que deverá se dar em agosto ou setembro. A grande expectativa da empresa é de poder enviar para aprovação antes do final do ano ou, no mais tardar, início de 2021.

Enquanto as pesquisas estão em andamento, o mundo inteiro fica na torcida para que esse seja o início do fim dessa pandemia, que uniu o mundo inteiro num mesmo sentimento: medo. 

Assista abaixo a entrevista:

Sobre o autor

Amaury Jr. é jornalista e apresentador de TV. É o mais conhecido colunista social do Brasil e considerado o criador do colunismo social eletrônico no país, onde mantém um programa de TV há 39 anos ininterruptos.

Sobre o blog

O blog traz notícias, bastidores e informações exclusivas sobre quem é assunto no showbiz, na cultura, na política, nos negócios e em todas as rodas sociais.

E-mail: contato@amauryjr.com.br

Amaury Jr.