PUBLICIDADE
Topo

Chapéus alados para distanciamento

Da Redação

05/06/2020 12h50

"Chapéus alados" são a resposta de uma galeria de arte parisiense ao distanciamento social. Eles podem parecer um pouco demais para os olhos destreinados, mas os criadores dizem que os chapéus de papel machê são baseados em chapéus da antiga dinastia Song, que governou entre 960 e 1279. Chapéus de papel machê, com extensões que mantêm usuários a um metro de distância, conforme regras francesas contra a disseminação da Covid-19.

Acredita-se que o imperador Song tenha ordenado que seus subordinados usassem chapéus com abas para que não pudessem fofocar sem ser ouvidos, explicou Dominique Pouzol, que projetou os chapéus para a galeria 59 Rivoli.

Sobre o autor

Amaury Jr. é jornalista e apresentador de TV. É o mais conhecido colunista social do Brasil e considerado o criador do colunismo social eletrônico no país, onde mantém um programa de TV há 39 anos ininterruptos.

Sobre o blog

O blog traz notícias, bastidores e informações exclusivas sobre quem é assunto no showbiz, na cultura, na política, nos negócios e em todas as rodas sociais.

E-mail: contato@amauryjr.com.br

Amaury Jr.