PUBLICIDADE
Topo

Silvia, herdeira da Fendi, fala sobre os novos rumos da marca

Da Redação

27/07/2020 17h14

Karl Largerfel e Silvia Fendi

Silvia Venturini Fendi, a herdeira da casa Fendi, é um mulher de grande experiência e do "saber fazer". Ela conta o que recorda dos seus avós, os fundadores da marca. Lembro-me das férias com minha avó Adele, que era tudo, menos a típica avó italiana que está  sempre em casa cozinhando. Ela tinha um grande sentido de beleza, era muito profissional  e trabalhava sem descanso com grande dedicação. Era muito autoritária sempre atenta a nós, seus netos. Todos os anos, tirava 15 dias das férias, e passava com todos os netos. Ficávamos hospedados em um hotel em Chianciano e, com seu perfeccionismo, arrumava até os guardanapos das mesas quando eram mal dobrados.

Agora, mesmo sem Karl Largerfeld, Silvia diz que tudo vai continuar no mesmo ritmo. Vou seguir as normas tradicionais da Fendi, mas integrando minha própria maneira de ver as coisas.

Sou orgulhosa de nosso trabalho. A Fendi é um legado de família.

As novas coleções Fendi terão alguns diferenciais porque não sou um clone de Karl, também porque como mulher vejo a moda sob outra perspectiva.

As mudanças no mundo da moda pós Covid que estamos passando é  um momento socialmente histórico que vai certamente nos atingir, cujo setor terá que ser repensado, diminuindo o ritmo e a oferta. O que devemos é melhorar a qualidade, curtir o que criamos e seguir sendo sempre originais.

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do BOL

Sobre o autor

Amaury Jr. é jornalista e apresentador de TV. É o mais conhecido colunista social do Brasil e considerado o criador do colunismo social eletrônico no país, onde mantém um programa de TV há 39 anos ininterruptos.

Sobre o blog

O blog traz notícias, bastidores e informações exclusivas sobre quem é assunto no showbiz, na cultura, na política, nos negócios e em todas as rodas sociais.

E-mail: contato@amauryjr.com.br

Amaury Jr.