PUBLICIDADE
Topo

Histórias do arquivo XXVIII

Da Redação

31/07/2020 11h43

Quando Zero, o famoso romance de Ignácio de Loyola foi lançado na Itália, o autor teve que adicionar o Brandão ao seu nome para não ser confundido com o santo espanhol homônimo.

Já o título  Veia Bailarina, outro de seus livros, teve curiosa inspiração. Ao ser preparado para uma operação cirúrgica (ele sofreu um aneurisma cerebral) uma enfermeira tentava pegar a veia do escritor e, diante da dificuldade, desabafou:

-É uma veia bailarina.

A primeira coisa que fez quando acordou da anestesia foi anotar no seu caderninho,  "veia bailarina". Deu nome ao livro que narra sua experiência da proximidade com a morte.

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do BOL

Sobre o autor

Amaury Jr. é jornalista e apresentador de TV. É o mais conhecido colunista social do Brasil e considerado o criador do colunismo social eletrônico no país, onde mantém um programa de TV há 39 anos ininterruptos.

Sobre o blog

O blog traz notícias, bastidores e informações exclusivas sobre quem é assunto no showbiz, na cultura, na política, nos negócios e em todas as rodas sociais.

E-mail: contato@amauryjr.com.br

Amaury Jr.